Notícia
Redes Sociais investem em inteligência artificial para remoção de posts violentos
Em depoimento nos EUA, executivos do google, twitter e Facebook dizem que estão criando soluções de inteligência virtual que removem rapidamente conteúdos nocivos de suas plataformas.
Por Anna Paulla
Publicado: quarta, 18 de setembro de 2019
Notícia - Redes Sociais investem em inteligência artificial para remoção de posts violentos
As principais empresas de mídias sociais, como a Google, Facebook e Twitter, informaram durante um painel no Senado dos Estados Unidos nesta quarta-feira (18), o que estão fazendo para realizar a remoção de conteúdo violento e extremistas em suas plataformas.

Nos últimos meses, elas foram duramente criticadas por serem utilizadas na disseminação de publicações que defendem grupos extremistas e também no compartilhamento de vídeos violentos.

De acordo com a chefe de gerenciamento de políticas globais do Facebook, Monika Bickert, os sistemas de detecção "reduziram o tempo médio necessário para a nossa inteligência artificial encontrar uma violação no Facebook Live para 12 segundos". Assim, esta redução é de 90% no tempo médio de detecção se comparada a meses atrás, de acordo com Monika.

Ela ainda informou que a empresa pediu ajuda da polícia para acessar vídeos que poderiam ser ferramentas úteis de treinamento para a sua tecnologia de aprendizado de máquina.

Já o diretor de políticas públicas do Twitter, Nick Pickles, informou que a plataforma suspendeu cerca de 1,5 milhão de contas que promoviam terrorismo entre agosto de 2015 até o final de 2018. Ainda segundo ele, mais de 90% dessas contas foram suspensas através das suas medidas proativas.

Segundo o diretor global da unidade de política do Google, Derek Slater, dos 9 milhões de videos removidos num período de de 3 meses pelo youtube, cerca de 87% foram sinalizados pela inteligência artificial.

Curtiu?



Veja mais notícias da mesma categoria: Notícia

Por Anna Paulla
Publicado em: quarta, 18 de setembro de 2019
Junte-se aos empreendedores da região
Receba todas as notícias em primeira mão!
Tags Relacionados
Quem viu este artigo também viu ...
Patrocinadores & Apoio
Junte-se aos empreendedores da região
Receba todas as notícias em primeira mão!